Tenha como Templo o Universo, como Prece o Trabalho, com Fé o Amor, Como Religião a Caridade - Babajiananda (Pai Tomé)


Prisão Mental

Compartilhe

Isis2015
Colunista
Colunista

Mensagens : 180
Data de inscrição : 06/02/2015
Localização : Brasília

Prisão Mental

Mensagem por Isis2015 em Ter Fev 02, 2016 10:35 am

PRISÃO MENTAL

A mente é uma prisão. Nascemos e crescemos dentro dela, acreditando que é comum e normal vivermos enclausurados dentro de suas limitações. As grades que limitam esta prisão são nossas ideias, crenças, conceitos, esperanças, sonhos e fantasias.


Para o despertar, não importa o tipo de pensamentos que nossa mente projeta. Os pensamentos são como as grades que nos separam da verdadeira liberdade que, numa palavra só, pode ser sintetizada como VERDADE.

Enquanto estivermos presos aos conceitos, crenças, sonhos, etc, não importa quais sejam eles, jamais poderemos conhecer a VERDADE que a tudo permeia e penetra.

Qualquer religião, retamente vivida e levada a sério, transforma o homem numa grande alma, cujos frutos da espiritualidade serão colhidos nesta e em próximas existências.

Bendito seja o homem religioso!!!

Porém, o despertar ou a iluminação está muito além de qualquer doutrina esotérica ou religião.

Muitas vezes, estas mesmas religiões ou doutrinas são presídios mentais que impedem a liberação total.

Ainda que uma pessoa viva 100% de sua religião, se ela não se libertar de todos os conceitos e mecanismos mentais, ela não alcançará a liberação e facilmente continuará prisioneira do samsara, entrando e saindo dele inconscientemente.

A única diferença entre a vida sem religião e a vida dentro de uma religião é que, na primeira, as grades que nos mantém aprisionados são de ferro bruto e, na segunda, as grades são de ouro.

Quando alguém se dá conta que está preso, simplesmente quer se libertar e disso vem o despertar.

Quando não nos damos conta que estamos presos, ficamos felizes e vivemos contentes, porque possuímos ouro em barras, ainda que não saibamos que esse mesmo ouro sustenta a nossa prisão.

Todo aquele que vive intensamente sua religião, acaba por descobrir que ela não é melhor nem pior do que outra qualquer. Por isso dia chegará que essa pessoa acabará por transcender os conceitos que a aprisionavam e, aí sim, dará então o primeiro passo na Senda da Iluminação. Antes, é bem difícil.

Simplesmente pedimos que cada mensagem seja motivo de profunda reflexão, estudo concentrado e meditação.

Assim, com o tempo, tais ensinamentos aos poucos passarão da mente para o coração, ficando profundamente gravados em vossa consciência.

Benditos sejam todos


Por: Daniel Ruffini

    Data/hora atual: Qui Jan 19, 2017 6:42 am